Equipe

Ana Paula Torres

Iniciou seus estudos de piano e flauta ainda criança na cidade de Anápolis, com o professor e Maestro Gil Gonçalves. Deu continuidade nos estudos musicais na Escola de Música de Anápolis e em seguida já em Goiânia no Centro Livre de Artes.

Formada em Musicoterapia pela Universidade Federal de Goiás. Há dez anos no mercado, atuando como professora de piano, teclado, flauta doce e transversal, musicalização, baby class e musicoterapia. Rica experiência com bebês, crianças, pessoas portadoras de necessidades especiais e melhor idade.  Foi sócia- proprietária em uma empresa do ramo musical durante sete anos e hoje diretora do Estúdio Ana Paula Torres - Música e Artes.

Noemi Ferreira

Natural de Aracaju/SE iniciou seus estudos musicais estudando Piano no Conservatório de Música de Sergipe em 2003. No ano seguinte começou também a estudar violino, pelo qual optou um ano mais tarde.
Participou do projeto da Orquestra Sinfônica Jovem de Sergipe no período de 2006 a 2007 e da Orquestra Sinfônica de Itabaiana de 2008 a 2011 onde, por um período, atuou como monitora dando aulas alunos iniciantes da instituição.
Em 2010 graduou-se na Universidade Federal de Sergipe no curso de Habilitação em Educação Musical. Em 2011 passou a fazer parte da Orquestra Sinfônica do Estado de Sergipe onde trabalhou até 2016 quando se mudou para Goiânia.
Em 2016, em Goiânia, passou a estudar na classe de Alessandro Borgomanero no curso de bacharelado em violino da UFG. Tem experiência como professora de Violino em diversas escolas, projetos e aulas particulares tendo como destaque a Sociedade Filarmônica de Sergipe – 2011, projeto orquestra jovem de Sergipe – 2014, Estúdio Ana Paula Torres – 2016 até o presente momento, Instituto Gustav Ritter – 2017 e 2018, além de experiências de aulas em grupo em igrejas. Participou de festivais como a MIMO e FEMUSC. Teve aulas e masterclass com professores como: Norberto
Garcia, Charles Stegmann, Natanael Fonseca, Walter Schreiber, Yerco Tabilo, Leon Spier, Marcio Rodrigues, Natanel Dreiblate e Alessandro Borgomanero.
Em 2018 se certificou como professora Suzuki livro 01 e também concluiu a
pós-graduação em educação musical pela UNB.

Cleiton Carvalho

Vindo de uma família musical, cantava em corais na igreja católica da cidade onde cresceu. Durante a adolescência teve contato com o teclado (seu primeiro instrumento) mas apaixonou-se pelo violão aos 15 tendo o primeiro contato com a guitarra já aos 20 anos. Possui mais de 10 anos de experiência como professor de música e organizador de eventos, recitais e shows de alunos, além da atuação como instrumentista, acompanhando cantores e bandas de Goiânia.

Atualmente é aluno do Professor Ms. Fabiano Chagas no curso de Música - Licenciatura em Guitarra pela Universidade Federal de Goiás. Versátil e didático ao lecionar, é capaz de ensinar dos mais variados estilos de violão, viola brasileira e guitarra, da música caipira sertaneja (modão) até o samba e a mpb passando pelo pop, rock, jazz e etc para alunos de todas as idades

Gustavo Henrique

Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Música. Começou seus estudos em música aos 10 anos na Escola de Música Gustav Ritter. Transferiu-se para o CEP em Artes Basileu França no ano de 2002 no qual começou seu estudos em violão erudito. 

 

Foi aluno de grandes violonistas como Fernanda Vasconcelos e Clévio José Vieira.  Participou de grupo de choro, liderado por José de Geus (Zé do Choro), e teve a oportunidade de participar de oficinas de violão com Henrique Pinto. No ano de 2010 aprimorou seus estudos em violão na Oficina de Música da UFG com o professor Helvis costa, posteriormente participou do curso de Violão ministrado por Judicael Perroy. Graduando em Musicoterapia na Universidade Federal de Goiás, possui facilidade de trabalho com crianças, no qual é sua especialidade.

Daniella Marques

Iniciou seus estudos musicais aos 10 anos de idade no instrumento Órgão. Atuou como professora de música e órgão de 2008 até o ano de 2015.  Sempre envolvida e amante de música erudita, iniciou seus estudos no Piano pelas Oficinas da Emac-UFG, fazendo aulas com Janderson Alencar, Fábio Leite, Sara Ciamberline, Beatriz Pavan(cravo e música antiga) e Daniel Abdala.

Em 2017 e 2018 foi correpetidora para a classe de Violino das Oficinas da Emac-UFG; Participou do Curso A Improvisação Associada a Aquisição de Conhecimento Musical em Aulas de Piano para iniciantes, em 2018 com a Pianista Laura Longo; Também em 2018, participou do Curso Jogos Musicais da Pianista Mirka de Pieva ; Foi integrante do Curso com a pianista Naira Poloni, Piano em Grupo; Em 2017 fez o Curso Filosofia Suzuki com a Violinista Shinobu Saito.

Atualmente cursa Licenciatura em Música no Instituto Federal de Goiás(IFG), atua como pianista/correpetidora para a classe de violino das Oficinas da Emac, participa da Orquestra de Cordas da Emac-UFG, ministra aulas de piano e musicalização e piano no Estúdio Ana Paula Torres e aulas particulares de Goiânia e região

Matheus Gonzaga

Baterista atuante na cena musical goiana desde 2012, acompanhando músicos autorais e
bandas de eventos sociais. Iniciou seu estudos em música em 2008 no conservatório Basileu
França, tendo cursado os cursos profissionalizante e técnico em bateria. Professor particular
de bateria à seis anos e membro da equipe de professores do Estudio Ana Paula Torres desde
2018.

Priscileny Sales

Bacharel em Musicoterapia e licenciada em Educação Musical pela Universidade Federal de Goiás, com cursos práticos e teóricos como : capacitação para professores (Área Deficiência Visual ), Libras  e a Ritmica de Dalcrose.

Túllio Mesquita

Graduado em Licenciatura em Guitarra Elétrica pela UFG. Atua como educador musical e performer nas noites da capital goiana. Como professores, teve a honra de estudar com músicos como Sandro Haick, Fabiano Chagas, Lula Galvão, Marco Pereira, dentre muitos outros., Atualmente se dedica ao estudo do jazz com o intuito de conseguir uma bolsa de estudos no exterior.

Kellen Aguiar

Kellen Aguiar, soprano, graduou-seno curso de Licenciatura em Ensino do Canto, na Escola de Música e Artes Cênicas, da Universidade Federal de Goiás – UFG, na classe da professora Marília Álvares.

Entre os anos de 2013 a 2016, cantou no coro das edições do Festival Internacional de Música BelkissSpenzieri Carneiro de Mendonça, promovido pela EMAC - UFG.

Em 2016, com o Coro de Câmara da EMAC da UFG, participou de concerto dentro da programação do projeto SESC Partituras. Participou ainda da 4ª edição do projeto Goiânia em Canto, promovido pelo Centro Livre de Artes, da Secretaria Municipal de Cultura, onde solou a obra Mille Regretz, do compositor JosquinDespréz.

Em Março de 2017, participou da montagem profissional da ópera L’Orfeo, de Claudio Monteverdi, atuando no coro, sob regência de Roberto Zarpellon (Itália). Em maio deste mesmo ano, interpretou o papel da Segunda Dama na montagem acadêmica da ópera “A Flauta Mágica”, de W. A. Mozart, na disciplina de Declamação Lírica, ministrada pela professora Drª. Marília Álvares.

De 2017 a 2018, ocupou o cargo de corista (soprano) no Coro Sinfônico de Goiânia, sob direção do maestro Eliseu Ferreira e regência da maestrina Katarine Araújo, participando de vários concertos oficiais. Em maio de 2018, participou da montagem acadêmica do Intermezzo “La serva Padrona”, de G. B. Pergolesi – versão em Português (A Empregada Patroa), interpretando o papel de Serpina, na disciplina de Declamação Lírica, ministrada pela professora Drª. Marília Álvares – Coordenadora do Projeto de Extensão Ópera na Emac 2017 e direção Cênica e editoração de partituras do professor Adriano Pinheiro.

Atualmente é soprano no Coro Sinfônico Jovem de Goiás, sob regência do maestro Weber Assis e atua, também como soprano, na orquestra Mozart Itália Goiás, sob regência do Maestro Rafael Pires.

Suéllen Sousa

Suéllen Sousa é cursada com CoachVocal Ary Santana pelo estado de Goiás. Atua como educadora do canto, performer em casas de show de Goiânia e interiores de Goiás, captação de casamentos para banda cerimonial e Recepção e é proprietária do StudioCross. Formação de coral adulto e infantil em igrejas e comunidades de Aparecida de Goiânia. Atualmente está produzindo repertório para projetos solo e com banda.

Ana Clara

Iniciando sua carreira de professora aos 15 anos, ainda autodidata, Ana Clara segue até hoje, colecionando desde então, cursos e escolas onde trabalhou. 

Hoje em dia da aula de canto, violão, e teclado (para iniciantes).

Estúdio Ana Paula Torres

Escola de Música e Artes

Goiânia - GO